Vital rebate Delcídio e repudia citação de seu nome em esquema de extorsão

O ministro do Tribunal de Contas da União, Vital do Rêgo Filho, repudiou, nesta quinta-feira (3), as acusações do senador Delcídio Amaral de que ele teria praticado extorsão contra empreiteiros para que eles não fossem convocados para depor na CPI da Petrobras.

Em nota encaminhada  ao redação do Portal MaisPB, Vital do Rêgo disse que enquanto senador e presidente da CPI da Petrobras sempre colaborou  com as investigações do Ministério Público e Polícia Federal.

Confira a nota

Com relação à suposta delação do Senador Delcídio do Amaral noticiada pela imprensa, o Ministro do Tribunal de Contas da União Vital do Rêgo repudia qualquer ilação associada a seu nome.

Enquanto Senador e presidente da CPI da Petrobras, trabalhou em parceria com o Ministério Público e a Polícia Federal em busca da elucidação dos fatos sob investigação.

O Ministro informa que sempre conduziu os trabalhos na presidência da Comissão de maneira imparcial e em respeito aos princípios constitucionais, privilegiando as decisões democráticas dos membros do colegiado.

Também esclarece que, como Presidente do colegiado, cumpria as determinações do plenário e as recomendações do Colégio de Líderes, trabalho que sempre desempenhou com transparência e lisura.

MaisPB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *