Sousa: MP determina que Prefeitura exonere em 72 horas todos os servidores e contrate os aprovados no concurso; multa é de R$ 50 mil

Representantes da Prefeitura de Sousa se reuniram na noite da última terça-feira (07) com o promotor Leonardo Quitans, no Ministério Público Estadual, e discutirem assuntos sobre o Concurso Público de Sousa. Após várias horas de reunião, ficou acordado que a Prefeitura tem até o dia 10 de outubro para exonerar todos os servidores contratados e nomear os aprovados no certame.

De acordo com o promotor Leonardo Quintans, caso a Prefeitura não cumpra os prazos estabelecidos pelo MP, receberá multa no valor de R$ 50 mil por dia, e, além disso, o prefeito poderá responder pelo crime de improbidade administrativa.

Em contato com a reportagem do Diário do Sertão, o procurador do município, Cleonerubens Lopes, declarou que a Prefeitura já está realizando todos os procedimentos para cumprir o prazo recomendado pelo MP e realizar a contratação de todos os aprovados no certame na próxima sexta-feira (10).

DIÁRIO DO SERTÃO