Projeto de Lira endurece lei contra bêbados no volante

O senador  paraibano, Raimundo Lira (PMDB), anunciou no Senado, o Projeto de Lei nº 708/2015, que aumentar a pena para motorista embriagados que causarem mortes no trânsito.

Lira se posicionou contra a fiança nesses casos alegando antes da pessoa se embriagar ela tinha consciência de que poderia cometer um crime grave.

A ideia do peemedebista é aumentar a pena para estes casos, prevista no § 2º do art. 302 do Código de Trânsito Brasileiro, e impedir a concessão de fiança aos respectivos infratores.

“São trabalhadores, pais e mães de família, jovens que, frequentemente, têm suas vidas ceifadas precocemente em razão da irresponsabilidade de motoristas que insistem em conduzir seus veículos, mesmo após ingerirem elevadas quantidades de álcool”, discursou Raimundo Lira;

Para o  senador, se a pena é pesada e o indivíduo sabe que pode ir para a prisão, não vai cometer o crime porque a lei teve o papel de inibir a sua decisão.

MaisPB

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *