Procuradora de CZ assegura realização de concurso e anuncia pagamento a servidores

A Procuradora do Município de Cajazeiras, Catharine Rolim, tranqüilizou nesta segunda-feira (12), a população acerca da realização do concurso público.

Catharine assegurou também, que os pagamentos dos servidores públicos serão efetuados de forma “escalonada”, como foi acordado com o Ministério Público.

Segunda a Procuradora, a tabela de pagamento será divulgada até essa terça-feira (13).

Concurso
Catharine disse que o promotor Túlio César não disse em nenhum momento que o concurso era ilegal. “Concurso é sempre bom. É o certo, é o constitucional. O concurso é legal”

Licitação
Quanto a licitação, a Procuradora disse que foi pregão presencial e não tem até o momento nenhuma ação do Ministério Público para impedir o concurso.

“Estamos conduzindo a coisa com muita clareza. A oposição é que entrou com uma ação pedindo o cancelamento do concurso”. Declarou Catharine

Inscrições
A Procuradora informou que mais de oito mil pessoas já se inscreveram para o concurso de Cajazeiras. Ela informou também, que vai ajuizar uma ação de cobrança, para que a empresa “Instituto Cidade” devolva o dinheiro das incrições do concurso anunciado na gestão do ex-prefeito, Léo Abreu.

Empresa
Ela afirmou ainda, que a empresa Vale do Piauí está apta a realizar o concurso, pois não responde a nenhuma queixa crime como foi divulgado em alguns meios de comunicação.

 

DIÁRIO DO SERTÃO