CIDADE FM 104,9

Mãe é acusada de cortar o filho de 7 anos com faca e beber o sangue do ferimento em seguida

Uma mulher, de 24 anos, é investigada pela Polícia Civil de Uberaba por suspeita de maus-tratos contra o filho, de apenas sete anos. Na escola, o menino afirmou que foi ferido pela mãe com uma faca e que ela bebeu o sangue dele na sequência.

Ao entrar na sala de aula, o garoto mais velho reclamou de dor em um ferimento na perna e a professora notou um corte. Ao ser perguntado sobre a causa da ferida, o menino admitiu que havia sido ferido pela mãe com uma faca.

Depois do relato da vítima, a Polícia Militar e o Conselho Tutelar foram acionados. A mãe, por sua vez, alegou que a a criança tinha se ferido com um prego enquanto brincava. Ela foi detida, ouvida na delegacia e liberada. O menino recebeu atendimento em um hospital.

O Conselho Tutelar informou que registrou o caso e que vai encaminhá-lo ao Ministério Público. O órgão também relatou que a mulher tem três filhos e que não existe queixas contra ela.

A Prefeitura de Uberaba, cidade de Minas Gerais, declarou, em nota, que a direção da escola levou o caso à Secretaria de Educação, que tomou todas as medidas cabíveis.