Homem acusado de homicídio e estupro é preso pelo GTE

A Polícia Civil da Paraíba, por meio do Grupo Tático Especial (GTE), de Pombal prendeu na tarde de ontem segunda (16), Edinaldo Antônio da Silva de 41 anos, conhecido também como “Boró”, por ameaçar matar a ex-mulher e também botar fogo na casa dela.

Desde o último sábado (25), que a mulher estava sendo ameaçado pelo acusado por não querer mais reatar o casamento. A prisão se tornou uma prioridade para os agentes da Polícia Civil, pois “Boró” já cumpriu pena por estupro e homicídio de uma criança de 11 anos em Brejo dos Santos (PB), em julho de 2000.

Ele cumpriu 12 anos no presídio de Catolé do Rocha e depois foi preso ainda por furto em 2012. Devido a seus antecedentes e sua atual situação de dependente de Drogas,”Boró” era um forte potencial para cometer mais um femicídio.

Da Redação com Ascom

Deixar uma resposta