CIDADE FM 104,9

Cajazeiras tem 11 ex-gestores na lista dos políticos inelegíveis do TCE; São José de Piranhas aparecem dois nomes na lista

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE-PB) encaminhou à Justiça Eleitoral, por meio da ferramenta Sisconta Eleitoral, uma relação com os nomes dos(as) gestores(as) que tiveram contas desaprovadas por irregularidades insanáveis, para fins de análise nas Eleições deste ano de 2022. Em alguns casos, os registros se referem a mais de uma prestação de contas reprovadas em diferentes exercícios financeiros.

A lista tem 997 decisões. São 428 gestores e ex-gestores (nomes não repetidos). Sendo 91 agentes estaduais e 337 agentes municipais. São 156 municípios e 97 órgãos estaduais. No final de julho será encaminhada a listagem complementar.

O município de Cajazeiras tem 11 gestores incluídos na lista, são eles: Carlos Rafael Medeiros de Souza; Celso Nóbrega dos Santos; Francicleide Medeiros de Lira Souza; Francisco Gomes de Araújo; Henry Witchael Dantas Moreira; José Francisco de Abreu; Leonid Souza de Abreu; Maxwell Apolo Araújo; Oscar Sobral Neto; Pablo de Almeida Leitão Renato e Marlis de Abreu Souza.

Já em São José de Piranhas aparecem apenas dois nomes na lista dos inelegíveis, o ex-prefeito Domingos Leite da Silva Neto e o ex-gestor José Bonaldo Dias de Araújo, por contas anuais não prestadas.

“A lista foi organizada pela nossa Corregedoria do Tribunal de Contas da Paraíba, cumprindo determinação legal para fins de inelegibilidade e nela constam informações que irão subsidiar análises e decisões do Tribunal Regional Eleitoral, inclusive sobre eventuais declarações de inelegibilidade”, afirma o presidente do TCE, conselheiro Fernando Catão.

VEJA A LISTA AQUI!