Palmeiras empata com Coritiba e ambos continuam mal no Brasileirão

Nem parece que há uma semana os rivais Coritiba e Palmeiras decidiam a Copa do Brasil em um Couto Pereira lotado, efervescente, cheio de festa. Nesta quinta-feira, no reencontro após o título da equipe paulista, os times se enfrentaram pelo Campeonato Brasileiro e ficaram no empate em 1 a 1 – ambos continuam mal na disputa por pontos corridos. Um jogo bem sem graça, daqueles que não ficarão marcados por muito tempo. O pontinho ganho para cada lado ficou de bom tamanho.

O Coxa saiu atrás, pressionou no segundo tempo e conseguiu o prêmio com um gol de Anderson Aquino. Pouco para quem jogava em casa e queria uma “vingança” do time que lhe tirou o título da Copa do Brasil. Com oito pontos, a equipe de Marcelo Oliveira continua sob risco, bem perto da zona da degola.

O Palmeiras, que teve a reestreia de Obina no fim do jogo, abriu o placar com Patrik, logo no início, e parecia não sentir tanta falta dos dez desfalques por lesões e suspensões – cinco deles titulares. O vacilo foi ter recuado no segundo tempo. O resultado leva a equipe de Luiz Felipe Scolari aos sete pontos, ainda na zona de rebaixamento do campeonato, mas uma posição acima do Bahia, que perdeu do Fluminense. Felipão, aliás, assistiu ao jogo das tribunas, já que estava suspenso.

Na próxima rodada, o Palmeiras enfrenta o Náutico no domingo, às 16h (de Brasília), na Arena Barueri. No mesmo dia, o Coritiba vai até Salvador enfrentar o Bahia, às 18h30m, em Pituaçu.

Globoesporte.com