Novo coordenador do Samu de Cajazeiras denuncia que fizeram ¨rapa¨ no serviço; ¨A situação é drástica¨

O novo coordenador do SAMU, Renan Cartaxo, denunciou nesta quinta-feira (17), as péssimas condições encontradas no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência de Cajazeiras.

“A situação do Samu aqui foi bem drástica, pois não houve a transição de Governo”. Informou o coordenador

Segundo Renan, as ambulâncias estavam quebradas e sem o estoque de oxigênio, além da farmácia está vazia.

Ele denunciou ainda, que os quartos dos funcionários estavam com camas e ar condicionados quebrados. “Estava faltando muito material”

Renan revelou que até a linha telefônica do serviço foi bloqueada por falta de pagamento.

“Isso provocou um transtorno muito grande para iniciar os serviços”. Destacou o novo coordenador

Ambulâncias
As ambulâncias que se chocaram no centro da cidade no ano passado, segundo Renan estão totalmente destroçadas, sem condições de uso, pois não foram levadas para o conserto.