Governo do Estado emite nota de pesar pelo falecimento do humorista Shaolin

O Governo do Estado emitiu nota de pesar, na manhã desta quinta-feira (14), pelo falecimento do humorista paraibano Francisco Josenilton Veloso, conhecido como Shaolin, que faleceu na madrugada desta quinta-feira (14), em uma clínica particular, em Campina Grande, aos 44 anos, após uma parada cardiorrespiratória.

Ele estava em coma há quase cinco anos, após se envolver em um acidente de trânsito no trecho urbano da BR-230, em Campina Grande.

“A partida precoce do humorista, que teve uma trajetória brilhante interrompida por um trágico acidente, deixa uma lacuna no mundo da comédia e nos corações dos paraibanos e paraibanas que tanto o amavam”, diz a nota.

“O Governo da Paraíba lamenta a perda inestimável de Shaolin, ao mesmo tempo em que se solidariza com amigos e familiares, convicto de que suas histórias estarão sempre preservadas em nossa memória”, acrescentou a nota.

Acidente

Shaolin sofreu um acidente automobilístico no dia 18 de janeiro de 2011, quando o veículo que dirigia colidiu com um caminhão na BR-230. Por conta do acidente, o humorista teve graves sequelas, como a perda de parte dos movimentos e da fala.

Após o acidente, Shaolin foi socorrido e levado para o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde recebeu os primeiros cuidados.

O tratamento do humorista prosseguiu no Hospital das Clínicas, em São Paulo, para onde Shaolin foi transferido. Na capital paulista, o paraibano passou por cirurgias, ficando internado por cerca de cinco meses.

Buscando uma recuperação mais rápida e próxima da família, a esposa do humorista, Laudicélia Veloso, montou uma estrutura na residência do casal, em Campina Grande, para que Shaolin continuasse o tratamento após a alta hospitalar.

Após quase cinco anos lutando pela vida, Shaolin, deu entrada, na noite esta quarta-feira (13), na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) de uma clínica particular, em Campina Grande, com uma infecção generalizada e após uma parada cardiorrespiratória.

MaisPB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *